Início » Notícias » Arantes cobra dos governos federal e estadual recursos financeiros para a agricultura familiar

Arantes cobra dos governos federal e estadual recursos financeiros para a agricultura familiar

Deputado Antônio Carlos reafirmou que sem dinheiro os pequenos produtores rurais continuarão com dificuldades

Raíla Melo/ALMG
Deputado Arantes durante audiência para debater as políticas públicas para a agricultura familiar

O deputado estadual Antônio Carlos Arantes (PSDB) reforçou, nessa quarta-feira (29/04), em Belo Horizonte, durante audiência pública da Comissão de Política Agropecuária e Agroindustrial da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, que a falta de recursos financeiros é o principal empecilho para os produtores e trabalhadores rurais superarem as dificuldades do setor.

“Sem dinheiro não se faz nada”, afirmou o deputado. A audiência teve o objetivo de debater as políticas públicas para a agricultura familiar. Arantes criticou o modelo de desenvolvimento econômico, que exige que se produza cada vez mais e que se ganhe cada vez menos, submetendo os produtores à frustrações com desordens de safra, mercado e preço.

“O pilar que está ruído se chama preço justo”, disse, manifestando a sua descrença de que se possa fazer grandes investimentos num ano de crise. “Neste ano, pelos orçamentos aprovados em Brasília e Minas Gerais, não dá. É o ano de fazer a base, vamos ter que reinventar”, ressaltou Antônio Carlos.

A falta de verbas para os agricultores familiares também foi enfatizada pelo representante da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Minas Gerais (Fetaemg), Marcos Vinicius Dias Nunes.

“Desde fevereiro estamos sem recursos do Banco do Brasil”, disse, afirmando que a demanda de recursos, hoje, é da ordem de R$ 240 milhões, mas só R$ 30 milhões teriam sido liberados.

Requerimentos

Para incrementar o setor e tentar amenizar a falta de dinheiro para os pequenos produtores rurais, o deputado apresentou quatro requerimentos na audiência pública, sendo três destinados à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário. Antônio Carlos Arantes solicitou pedido de informações sobre o atual estágio da implementação do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA Familiar); pediu providências no sentido de elaborar estudo com objetivo de substituir produtos industrializados, vendidos em máquinas de autosserviços localizadas em prédios da administração pública direta e indireta do Estado, por produtos naturais, como frutas, saladas, iogurtes, sanduíches naturais, entre outros; e reivindicou medidas no sentido de ampliar a Feira da Agricultura Familiar e Urbana da Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, bem como torná-la permanente e aumentar sua periodicidade.

O quarto requerimento apresentado pelo deputado Arantes é para que seja encaminhado ofício ao presidente da Assembleia Legislativa, deputado Adalclever Lopes (PMDB), solicitando a realização semanal, na Praça da Assembleia, de Feira de Agricultura Familiar e Urbana, inclusive com a oferta de produtos do artesanato mineiro.

Verifique também

DEPUTADO ARANTES VOTA PROJETOS DE FORMA REMOTA NA ALMG

Na tarde desta quinta-feira (30.04), durante a 12º reunião realizada de forma remota na Assembleia …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *