Início » Arceburgo » Deputado Arantes libera recursos no governo para a área da saúde

Deputado Arantes libera recursos no governo para a área da saúde

Sete municípios serão beneficiados, garante secretário de Estado

 

Texto e fotos: Juvenal Junot

 

 

deputado estadual Antônio Carlos Arantes (PSDB) se encontrou nesta terça-feira (28/07) com o secretário de Estado da Saúde Fausto Pereira dos Santos e a equipe gestora do sistema de saúde do Governo de Minas. Na pauta, uma longa lista de reivindicações elaborada por ele e pelo deputado federal Carlos Melles envolvendo benefícios para sete cidades do Sul, Sudoeste e Centro-Oeste de Minas: São Sebastião do Paraíso, Paraguaçu, Muzambinho, Oliveira, Piumhi, Cristais e Arceburgo.

 

Esta foi uma das reuniões mais importantes realizadas este ano na área da saúde para a nossa região. Apresentamos uma relação de convênios e verbas pendentes que aguardam a liberação por parte do Governo do Estado e o secretário Fausto, num gesto de sensibilidade extrema, liberou algumas e se comprometeu a estudar e a liberar as outras, na medida do possível”, comemorou Arantes.

 

deputado estava acompanhado do assessor do deputado Melles, Claudinho, e de uma comissão de Muzambinho composta pela presidente do Lar São Vicente de Paulo, MaizaCabral; do vice-presidente, José Amélio dos Santos, e do gestor da Santa Casa da cidade, Luiz Carlos Dias.

 

 

Solicitações feitas ao secretário de Estado da Saúde

 

secretário de Estado de Saúde Fausto Pereira dos Santos recebeu com bastante interesse a pauta de reivindicações e se demonstrou solidário a todas elas. “A saúde é uma necessidade premente e estamos fazendo o possível para colocar as contas em dia,” afirmou.

 

Sobre Muzambinho, o deputado Arantes lembrou que estava ali com a presidente do Lar São Vicente de Paulo, Maiza Cabral, para revindicar a renovação do convênio do Estado com a entidade, o que permitirá o uso da verba de R$ 85.000 para término das obras de construção de novos apartamentos. “Estamos hoje com 71 idosos e precisamos ampliar nosso atendimento”, justificou a presidente. O secretário determinou que fosse renovado o convênio e que fosse solucionado o impasse burocrático surgido com a paralisação das obras. Ainda para Muzambinho, o gestor da Santa Casa da cidade, Luiz
Carlos Dias, 
pediu a inclusão do hospital na rede de urgência e emergência do Estado.

 

Para Arceburgo, o secretário estadual de Saúde determinou de imediato o pagamento integral do convênio assinado em 2014 com a prefeitura de Arceburgo, que previa a liberação deR$ 50 mil para a compra de medicamentos. Desse convênioa cidade havia recebido somente R$ 2.500. “Agora receberá os R$ 47.500 restantes”, garantiu o secretário.

 

Para São Sebastião do Paraíso, o secretário Fausto autorizou a liberação de mais uma parcela de R$ 129.575,50 do convênio assinado em 2013 com a Santa Casa de Misericórdia para ampliação da UTI. O deputado Antônio Carlos Arantes aproveitou para agradecer, em seu nome e no nome do deputado Melles, a liberação total do convênio no valor de R$ 803.673,64que já está sendo usado na reforma e ampliação da hemodiálise, também da Santa Casa.

 

Para o município de Oliveira, a continuação da construção da nova Unidade Básica de Saúde (UBS) do distrito do Morro do Ferroreivindicada pelos vereadores Geraldo Atos de Barros e Venício dos Santos, o secretário Fausto garantiu que em meados de agosto a UBS entrará no programa de construções do Governo do Estado. Do convênio assinado em 2013 com o município, no valor de R$ 918.334,62, só haviam sido liberados R$ 93.870,26.

 

Para Piumhi, o deputado Arantes explicou que a UBS Maria Resende está pronta desde fevereiro de 2015 e que prefeito Craidinho aguarda a liberação de R$ 142.000 para a compra de equipamentos e mobiliários. O secretário estadual de saúde justificou dizendo que este é um problema que o Estado vem enfrentando em outras regiões. “Temos unidades prontas, mas que não estão funcionando por falta de equipamentos. Estamos fazendo um levantamento de demanda para saber o que temos que comprar”, disse.

 

Sobre o município de Cristais o deputado Arantes alertou para o fato de uma cidade com 12 mil habitantes e mais de 60 empresas de facções de costura não fazer parte da Rede Farmácia de Minas. O secretário concordou e ficou de acionar a área farmacêutica do governo para avaliar o pedido do vereador Hilbraine Morais Pereira e ver se esta alternativa é viável.

 

Para o município de Paraguaçu, onde o prefeito Evandro Barbosa Bueno espera a liberação de três convênios assinados no ano passado no valor total de R$ 300.000 para a compra de materiais odontológicos, equipamentos de laboratório e de fisioterapia, o secretário adiantou que estes valores ainda aguardam lugar no cronograma do Estado”.

 

Verifique também

INTERNET 5G É DEBATIDA NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA A PEDIDO DO DEPUTADO ARANTES

A pedido do deputado Antonio Carlos Arantes, a Comissão de Desenvolvimento Econômico da Assembleia Legislativa …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *