Capa » Assembleia Legislativa » PIMENTEL VAI A PASSOS E NÃO LEVA NEM UMA BALA PARA A REGIÃO, DIZ ARANTES
PIMENTEL VAI A PASSOS E NÃO LEVA NEM UMA BALA PARA A REGIÃO, DIZ ARANTES

PIMENTEL VAI A PASSOS E NÃO LEVA NEM UMA BALA PARA A REGIÃO, DIZ ARANTES

O deputado Antonio Carlos Arantes (PSDB) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa na quarta-feira (16/08) para lembrar que ex-governadores de Minas quando visitavam Passos era para anunciar obras. No entanto, quando o atual governador Fernando Pimentel visita a cidade é para criticar quem levou obras para a região. “Ele mesmo não levou nem uma bala”, ressaltou.

O deputado Arantes aproveitou para criticar Fórum Regional de Governo do PT realizado em Passos, no dia 11 passado. Segundo ele, o governador Fernando Pimentel gastou uma fortuna para levar seu aparato de governo à cidade, ocupando vários aviões para transportar secretários e assessores, mas ficou só no “blá, blá, blá” não anunciando nenhuma obra para a região: “Dois anos e meio de administração do Governo do PT e nada foi feito ou inaugurado. Estou impressionado com o quanto este governo é desqualificado”, afirmou.

O deputado fez questão de destacar que, mesmo com o Sul de Minas contribuindo expressivamente para a economia do Estado, com milhões e milhões de reais em impostos, o governo Pimentel não devolve nada: “É o caso da reforma da MG-050, que a concessionária captou em pedágios mais de R$ 600 milhões para investir na rodovia e o Pimentel não assume a obra preferindo dizer que não tem nada com isso. as pessoas continuam morrendo na estrada”, lamentou.

Arantes disse ainda que a unidade no Sul de Minas da Universidade Estadual de Minas Gerais (UEMG), levada pelo governador Anastasia, sofre com a falta de recursos; as mais de 600 farmácias de Minas, criadas pelo governador Aécio Neves, estão sem medicamentos, e mesmo as pequenas cirurgias prestadas pelo SUS não estão sendo autorizadas porque os hospitais estão fechando: “governo do PT não compra nem fitas para medir a glicose dos diabéticos nos mais de 2.500 postos de saúde construídos pelo PSDB”, destacou.

Encerrando, o deputado Arantes afirmou que “é triste ver um governo que tem esse posicionamento com o povo mineiro. Minas não merece isso”, lamentou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*